Mercabá

Ícone

Obras da Patrística

Cassiodoro

cassiodorus_at_the_vivarium_in_codex_amiantinus

Giovanni Reale
F. Magno Aurélio Cassiodoro também foi ministro de Teodorico (e de seus sucessores). Nasceu na Calábria, em Squillace, entre os anos de480 e 490. Proveniente da aristocracia, colocou-se precisamente a serviço de Teodorico. Amigo de Boécio, teve mais sorte que ele. Em 540, retirou-se para o mosteiro de Vivarium, por ele mesmo fundado, onde dedicou-se à vida espiritual, reuniu uma importante biblioteca e escreveu duas obras: o De anima e o Institutiones divinarum et saecularium litterarum, duas obras destinadas ao sucesso no quadro do pensamento escolástico. Também são interessantes as cartas escritas por Cassiodoro em nome de Teodorico, reunidas sob o título de Variae. Por fim, também nos chegou, de sua autoria, uma História dos godos. Cassiodoro morreu em 570, em seu mosteiro.

Com o seu De anima — nas pegadas de Claudiano Mamerto (morto em 474 e autor do De statu animae, que é uma defesa da tese da imortalidade da alma) e de Agostinho (basta pensar no De Anima e no De origine animae) —, Cassiodoro se propõe a demonstrar a espiritualidade e a imortalidade da alma. Já as Institutiones divinarum et saecularium litterarum estão dividi­das em dois livros: o primeiro especifica que autores devem ser estudados a fim de uma melhor introdução possível à teologia; o segundo delineia o plano de estudos liberais que os clérigos devem seguir. Cassiodoro distingue as artes do trivium (gramática, dia­lética e retórica) das artes do quadrivium (aritmética, geometria, astronomia e música). Essa distinção não tem nada de original se pensarmos que, no século V, por volta de430, ela já havia sido traçada por Marciano Capela no seu De nuptiis Mercurii et philologiae, que iria se tornar um dos textos principais da erudição medieval. Mas, de todo modo, o fato de maior relevo é que Cassio­doro dobra os elementos da cultura clássica à compreensão das Escrituras e às exigências da Igreja. Desse modo, a razão não se configura como adversária da fé. E precisamente por essa ra­zão foi que Cassiodoro influiu na organização dos estudos nas es­colas medievais.

Arquivado em:Cassiodoro

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blogroll- Brasil

Blogroll- Portugal

Blogroll- USA

Hinos

Música Sacra - Natal

Música Sacra - Páscoa

Música Sacra - Quaresma

Música Sacra- Advento

Site Meter

  • Site Meter

Sites

Wordpress

%d blogueiros gostam disto: